CADA UM TEM A PATRÍCIA QUE MERECE!

CADA UM TEM A PATRÍCIA QUE MERECE!

19 de julho de 2019

LASHANA LYNCH : A NOVA 007

BOM DIA, BOA TARDE, BOA NOITE!

Licencinha (de nada) que 👸🏾LASHANA LYNCH👸🏾 quer passar, people. ⠀
“Diz que” ela será nada mais nada menos do que a mais nova agente 007.

“BOND 25” está sendo gravado em Londres e Daniel Craig continuará no papel de James Bond. Você aí que é apegad@, se acalme.



Mas, porém, todavia, entretanto, segundo o The Daily Mail (um dos jornais britânicos mais populares das bandas de lá) quem vai organizar o baba e fazer a espiã da vez será atriz LASHANA.

Foto by @ryanpfluger


Mesmo que eu não fosse fã desses filmes hollywoodianos trabalhados nas cuiudas, eu não perderia. Eu consumo o que me contempla, baby, e já vou preparar meu balde de pipocas. ⠀
Porque #representatividadeimportasim, meus amores, e a de cá não tem a menor dúvida.

É isso. Simbora, Mundo! Kiuuuu 🙆🏿

Categoria(s):
COMPARTILHE:
27 de maio de 2019

UM VERÃO NA ITÁLIA ☀️Carrie Elks

 

Eu já falei que amo histórias que envolvam teatro, cinema, viagem, escrita..? Vou contar um pouquinho o que achei de UM VERÃO NA ITALIA de Carrie Elks!

 

SINOPSE-SE comigo!

 

 

 

Título: UM VERÃO NA ITÁLIA 
Autora : Carrie Elks
Editora: Verus Editora
Compre:  FÍSICO / EBOOK

O primeiro volume de As irmãs de Shakespeare, a nova e deliciosa série da autora best-seller Carrie Elks: quatro irmãs, quatro histórias e quatro maneiras de encontrar o amor verdadeiro. Férias de verão gratuitas na Itália. A condição? Dividir a casa com seu maior inimigo. Cesca Shakespeare chegou ao fundo do poço. Depois de escrever uma peça de teatro premiada que acabou em desastre, o bloqueio criativo se instalou.

Seis anos mais tarde, ela perdeu mais um emprego pavoroso e está prestes a ser despejada. Pior ainda, suas irmãs não fazem ideia de como sua vida vai mal. Assim, quando seu padrinho lhe arruma uma temporada de verão em uma bela villa italiana, sem ter de pagar nada por isso, Cesca concorda em ir para lá e tentar escrever uma nova peça. Só então descobre que a casa pertence a seu arqui-inimigo, Sam Carlton. Tendo acabado de ver seu nome em todas as manchetes pelas razões erradas — mais uma vez —, o galã de Hollywood precisa se esconder.

Que lugar melhor do que a linda villa desocupada de sua família à beira do lago Como? Só que, quando ele chega, descobre que a casa não está tão desocupada quanto esperava. Ao longo do quente verão italiano, Cesca e Sam terão de confrontar o passado. E o que começa como uma hesitante amizade rapidamente se torna uma atração intensa — e depois uma aventura ardente. Uma coisa é certa: este será um verão abrasador.

 

 

UM VERÃO NA ITÁLIA – CESCA SHAKESPEARE

 

 

É a segunda mais nova das quatro Irmãs Shakespeare. Teremos um livro para cada irmã. E cada uma representando uma estação do ano. Cesca tem 24 anos e está numa fase desaplaudida da vida, após ver sua breve carreira de dramaturga afundar antes de começar. É que sua primeira peça, que tinha tudo para estourar e alavancar sua vida profissional é cancelada, quando o ator principal some na estreia.

Ela fica tão traumatizada que desiste de escrever e vive de bicos em Londres, sem nenhuma perspectiva de crescimento profissional. Nesse momento, é convidada para tomar conta, por um mês, de uma casa numa villa na Itália e, sem muitas opções, ela decide ir. Vai que a inspiração para escrever outra peça não lhe chega!

 

SURPRESA !!!

 


Só que o destino lhe prega uma peça e Sam Carlton, o ator que destruiu sua carreira e que hoje é um ator renomado em Hollywood, é um dos filhos dos donos da casa. E mais: Ele precisa passar alguns dias na villa, se escondendo de uma confusão.

É aí que o babado pega, porque os dois terão a chance de acertar as contas e descobrir que nem tudo era o que parecia.

 

HISTÓRIA BABADO!

 


A narrativa é na terceira pessoa, o que permite a gente criar várias teorias em relação a história dos nossos protagonistas, que vão viver uma interessante história de amor! Além do mais, tão bom poder viajar um pouquinho pela Itália! Esse, inclusive, é um dos pontos positivos dessa série. Além de contar a história dessas irmãs (que estarão em todos os livros), poderemos viajar (e muito!) por esse mundão de meu Deus! Sem falar nos mocinhos, que possuem características maravilhosas, distantes daquele estereótipo de babaca!

Acabei de ler UM AMOR DE INVERNO, que é sobre Kitty Shakespeare, a caçula e estou bem apaixonada! Já estou ansiando o próximo.
.

Categoria(s):
COMPARTILHE:
13 de maio de 2019

DIA 13 DE MAIO

Isabel não fez mais do que a obrigação, tá?
Foi bondade não, ok?
Essa historinha “bonitinha” e com caneta cravejada de diamante é a contada a partir da versão d@ escravagista, que ainda quis/quer sair de redentor/a.
Quer homenagear? Quer agradecer?
Temos as nossas princesas.
Temos Alquatine, Dandara, Luisa Mahin, Tereza de Benguela e tantas outras que foram escravizadas, se rebelaram e morreram na luta!
E se engane, não. A ESCRAVIDÃO não acabou ainda. Só mudou de nome e de forma. A ideia sórdida deles é que as chibatadas e as mordaças sejam eternas. As armas que eles escolheram? A nossa completa ignorância. Tomemos tento, então.
Vamos organizar esse baba e parar de deitar pra quem nunca quis de verdade a nossa liberdade. ✊🏿
Pronto.
Dito isso.
BOA SEMANA!
Amanhã, dia 14, tem sorteio de livro no instagram @patriciarammos, porque conhecimento é poder. 🖤
.
.
.
.
.
#trezedemaio #diaquatorze #quatorzedemaio#14demaio #princesaisabel#princesaisabelnaomerepresenta#princesasnegras #umabadapracadadia #leiaurea#13demaio

Categoria(s):
COMPARTILHE:
22 de abril de 2019

LUZ, CÂMERA e AMOR 📍 Aline Sant’ana

Olá, minha gente! Tudo bom? Antes de falar sobre “Luz Câmera e Amor”, vamos conversar?

Esses dias ando bem empolgada com as minhas leituras! Tenho lido mais do que no ano passado, nesse mesmo período.

Tudo é um gás que a gente bota no babado.

Estou com um novo INSTAGRAM. Isso significa que, além do @patriciarammos (UM ABADÁ PRA CADA DIA), temos um só literário, que é o @meuabadaliterario só com resenhas e compartilhamento de livros. Gostaram?

Vamos de resenha boa?

 

 

Luz Câmera e Amor – A sinopse

 

Luz Câmera e Amor

 

Título: LUZ, CÂMERA e AMOR
Autora: Aline Sant'ana
Editora: Charme
Compre:  FÍSICO

 

Sou Evelyn Heyley, atriz de Hollywood, e você provavelmente já ouviu meu nome em algum lugar. Batalhei anos para consolidar minha carreira e me orgulho muito de todos os projetos que abracei com amor. Mas, agora… estou prestes a receber a oportunidade da minha vida: um longa-metragem inspirado no romance da autora bestseller Shaaron W. Rockefeller.

E é claro que vão me dar um par romântico incrível. Provavelmente um nome que Hollywood ama, como o Thor, da Marvel, ou até o novo James Bond. Ao menos, era o que eu esperava. Assim que a porta da sala de reunião se abriu, revelando o rosto estupidamente bonito daquele ator, com um perfume impactante e uma beleza digna de irritar os deuses, eu soube que meus planos tinham ido por água abaixo. O que era a minha chance do Oscar acabou se tornando um desastre cinematográfico. Chuck Ryder. Ou você pode chamá-lo de o meu pior pesadelo.

 

 
Luz Câmera e Amor – A história de Evelyn e Chuck.

 

 

Evelyn é uma atriz de Hollywood em ascensão, com dez anos de carreira e super talentosa. Ele é um ator emergente, com fama de “estrela”, que parece não gostar do que faz e, apesar disso, vem fazendo muito sucesso, sendo, inclusive, um dos atores mais procurados do momento. 

Ela o considera tosco, fraco, sem talento… Para nós, talvez um “Cigano Igor” da novela “Explode Coração” de Glória Peres (alguém lembra dele? “Dara ou não Dara?”kkkk).

Para sua tristeza, logo quando é chamada para ser a atriz principal de um filme com roteiro de um livro super famoso, com a promessa de alavancar de vez sua carreira, descobre que fará par romântico justamente com Chuck. 

 

“Olha, Chuck (…) Você não demonstra sentimentos nem quando está tomando um tiro de uma Glock.  Não faz as coisas com emoção, é sempre automático, como se estivesse sendo obrigado a atuar. Eu, veja bem, não consigo compreender como chegou tão longe.”

 

Sem papas na língua, na primeira reunião, ela questiona tal escolha e decide não fazer tal produção com medo de se queimar. Ele então lhe faz a proposta : os dois farão um teste com uma das cenas. Se ele não for bem, um dos dois desiste do filme. Mas para sua surpresa, não só ele é bom, como os dois tem uma química perfeita.

 

Luz Câmera e Amor

 

 

Luz Câmera e Amor – Amizade e Descobertas

 


Com o passar o tempo, os dois ficam amigos e Evelyn descobre que nem tudo era como ela pensava e que Chuck esconde muitos segredos que justificam tal má impressão inicial. 

 

“Fica meio difícil, Eve. Seu corpo e a maneira que você correspondeu… (…) – Você não torna nada fácil”.

 

Como é um romance, é claro que os dois se envolvem, né? Vai ter muito beijo na boca, sexo, encontro, desencontro, gente perturbada querendo atrapalhar o baba… Por isso, nem tudo é tão simples e tão perfeito na trajetória desses dois.

 

Luz Câmera e Amor

 


O livro é muito lindo! Li rapidinho e terminei apaixonada por eles!

Amo os livros de Aline! Amo histórias que tem histórias dentro de histórias!

 

“Os cabelos crespos em um lindo corte cheio acompanhavam uma faixa vermelha no início da cabeça (…) Sua pele em tom de chocolate reluzia com as luzes fortes e ela parecia brilhar na minha mente” (Se eu estou feliz com as características de Shaaron W. Rockfeller? Lógico, ela é da minha paleta)

 

Nessa temos dois atores interpretando uma história de amor dentro de uma história de amor. No livro eles vão rodar um filme que a adaptação do livro “RECORDE-SE ANTES DE EU PARTIR” de Shaaron W. Rockefeller, uma autora bem famosa. Vai ter muita emoção até o momento de serem FELIZES PARA SEMPRE, viu? Vou logo avisando!

Beijos da de cá.

Categoria(s):
COMPARTILHE:
31 de março de 2019

Minha memória “DISCARADA”

 

Melhor do que um dicionário ou uma gramática é a memória fotográfica. Aí você escreve uma palavra, coloca uma cedilha num local errado, joga um ~, um x, um c, um q… no lugar que não é pra colocar…
E quando relê a palavra, vem sua memória e diz: – Tá maluca?
– É, tô maluca. Obrigada, discarada !!!
Porque a memória é, sim, discarada.
Ah! Sim, eu sei que discarada é DESCARADA, mas prefiro quando ela “DIS”. 

Categoria(s):
COMPARTILHE: